Lounge Modernista

O caráter escultórico da casa, com a imponente estrutura que emoldura o volume da edificação e libera os espaços internos, foi nosso ponto de partida para o projeto do Lounge Modernista. Ao conhecer os diversos ambientes, não tivemos dúvida ao propor um espaço de vivência, no qual a área de cocção foi inserida na área social, para atender as atuais demandas do “receber em casa”. Nos voltamos para nossos lares, e os diversos espaços tiveram que se adaptar e possibilitar esse convívio que será cada vez mais frequente. Diante da nova realidade imposta, propusemos dois ambientes totalmente integrados mas, também, bastante contemplativos. A arquitetura da casa que, por si só já é um deleite a contemplação, somado a uma vista de tirar o fôlego foram, sem dúvida, nossa grande inspiração!
Nosso Lounge Modernista conta com uma cozinha integrada com os ambientes de jantar e estar. Uma grande ilha delimita a área de cocção e dialoga com os demais ambientes e com a vista principal da casa. O mobiliário utilizado foi selecionado a dedo! Buscamos alguns ícones do mobiliário brasileiro com referências marcantes deste período de nossa história. A mesa Branco e Preto (1950), por exemplo, assim como o aparador Alva (2013), ambos da Etel, apesar de pertencerem a momentos tão distintos, trazem como marca a valorização da madeira como material brasileiro por excelência. Bebendo nesta mesma fonte, escolhemos as poltronas Voltaire e Adriana, dos grandes mestres Sérgio Rodrigues e Jorge Zalszupin propondo um contraste de toda generosidade da primeira com a delicadeza da segunda. Contrapondo com todo este mobiliário modernista, trouxemos a leveza e o frescor de peças contemporâneas, não menos importantes para o design nacional, como o sofá Air e a estante Clip de nosso tão celebrado Jader Almeida, a banqueta Torno do Guilherme Bittencourt e a mesa Chipre do Estúdio Bola. Destaque também para a obra do Ascânio, artista plástico cuja obra foi construída na interseção entre arquitetura e escultura e para a belíssima peça existente em metal forjado e pintado de vermelho que criou um contraste com a marcenaria proposta em tons de cinza.

Fernanda Ferreira

Fernanda Ferreira

Graduada em arquitetura pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG) com mestrado em Conforto Ambiental também pela UFMG, atua com arquitetura e design de interiores executando projetos residenciais e corporativos. Mantém escritório na capital mineira desde 2004. Nos projetos que assina, prima por um layout bem resolvido e sem excessos, segundo ela, ponto de partida para um bom trabalho. Destaca a importância de uma circulação com fluidez, em leituras amplas, onde o usufruto se dá de maneira natural. Adepta do diálogo entre clássico e contemporâneo, cria composições que contam histórias. Entende arquitetura como algo que nos toca e deixa marcas e memórias importantes. Detalhista, mas sem excessos, busca resgatar a essência da família, para fazer de cada projeto único.
Ver perfil
+
Ver produtos

Produtos neste ambiente

Outra interpretação neste espaço